300 marcas de calçado em seis anos

28/01/2016

As empresas portuguesas de calçado afinaram estratégias e entraram no campeonato das marcas. Em seis anos, nasceram 300 insígnias no país e o mundo passou a estar disponível para pagar mais pelos sapatos made in Portugal, agora os segundos mais caros à escala global.

A viragem tática da indústria trouxe novos protagonistas ao sector, coincide com a chegada da segunda ou terceira geração ao negócio da família, rende prémios e conta com o apoio da Associação dos Industriais de Calçado - APICCAPS, a investir milhões em campanhas de internacionalização sucessivas com a ambição de dar à fileira o estatuto de “principal referência mundial com base na produção própria”

Fonte: http://expresso.sapo.pt/economia/exame/

 

Plataforma

Newsletters

Facebook